ENREDO

Adam Rogers (Duhamel), apresentador de um “reality show”, fica famoso quando um competidor é assassinado por sua noiva desprezada, a qual também se mata. Em vez de chocar, o programa explode na audiência e os dirigentes do canal discutem: o programa é um escândalo ou fonte de entretenimento? Ilana Katz (Janssen), executiva da TV, sugere a criação de Esta é a Sua Morte, no qual os competidores se matam por vultosa quantia de dinheiro. Para surpresa geral, o programa se torna líder de audiência.

FICHA TÉCNICA

THIS IS YOUR DEATH
EUA, 2017
Direção: GIANCARLO ESPOSITO
Roteiro: Noah Pink/Kenny Yakkel
Elenco: Famke Janssen, Josh Duhamel, Sarah Wayne Callies, James Franco, Giancarlo Esposito e Caitlin FitzGerald
Fotografia: Paul Mitchnick
Montagem: Jamie Alain
Música: Rick Walters
Drama
104 minutos
CineArt

O FILME E O DIRETOR

Produção de baixo orçamento e que levou 7 anos de vida do ator, produtor cineasta dinamarquês Giancarlo Esposito, 59, para escrevê-lo, levantar o orçamento e concluí-lo, faz uma polêmica e ousada exposição dos “reality shows” e de seu fascínio sobre as plateias ávidas por sangue, violência e impacto. É o segundo longa dirigido por Esposito, famoso pelo papel de Gustavo “Gus” Fring da teleserie Breaking Bad (2009-2011), pela qual ganhou o Prêmio de Crítica de 2012 e uma indicação ao Emmy de 2012.

A PALAVRA DE ESPOSITO

É UMA INVESTIGAÇÃO DOS “REALITY SHOWS”, UMA INVESTIGAÇÃO DO QUE CONSIDERAMOS ENTRETENIMENTO (…)QUERO ME EMOCIONAR COM UMA EXCELENTE NARRATIVA, QUERO RIR, CHORAR E ME DIVERTIR, MAS QUERO UMA HISTÓRIA REAL. NÃO QUEREMOS MAIS HISTÓRIAS FABRICADAS (…) EU PERMITO QUE AS PESSOAS QUE ASSISTEM A ESTE FILME SE DIVIRTAM, MAS TAMBÉM PARA OLHAR PARA ONDE NÓS E O NOSSO MUNDO ESTAMOS INDO (…) NÃO TEMOS A CAPACIDADE DE DISTINGUIR, POR VEZES, ENTRE O QUE É REAL E O QUE NÃO É
Giancarlo Esposito, cineasta

TRAILER

YOUTUBE

FOTOS

CIDADES E HORÁRIOS

DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA – 19h30
SÁBADOS E DOMINGOS – 14h

B R E V E

CIRCUITO A DEFINIR

CRÍTICA ESTRANGEIRA

A COISA MAIS ASSUSTADORA SOBRE ESTA É A SUA MORTE
É QUE É MUITO ATUAL
Daniel Tucker, nextprojection.com

À MEDIDA QUE AS CIRCUNSTÂNCIAS CONTINUAM A ENTRELAÇAR ESSES PERSONAGENS, O FILME DE ESPOSITO É TANTO UMA ACUSAÇÃO DE NOSSA PRÓPRIA NATUREZA SOCIAL COMO UM CHOQUE E DESÂNIMO, COMO É A MÍDIA QUE O FORNECE. ANTES QUE ACABE, ESTA É A SUA MORTE SE TORNA UMA QUESTÃO (…) DE QUEM REALMENTE CARREGA A RESPONSABILIDADE DE TUDO ISSO, E DEIXA VOCÊ SEM RESPOSTAS FÁCEIS.
Christian Long, glidemagazine.com/EUA