ENREDO

Paris, 1844. Aos 26 anos, Karl Marx (August Diehl) e exilado, junto com a esposa, Jenny (Vicky Krieps), conhece Friedrich Engels (Stefan Konarske), filho de um industrial que investigou o nascimento da classe trabalhadora britânica. Dândi, Engels oferece ao jovem Marx a peça que faltava para completar a sua nova visão de mundo: o Manifesto do Partido Comunista. Entre a censura e a repressão, os tumultos e as repressões políticas, eles liderarão o movimento operário em meio a era moderna.

FICHA TÉCNICA

LE JEUNE KARL MARX
ALEMANHA/FRANÇA/BÉLGICA, 2017
Direção: RAOUL PECK
Roteiro: Raoul Peck/Pascal Bonitzer
Elenco: August Diehl, Stefan Konarske, Vicky Krieps, Olivier Gourmet e Hannah Steele
Fotografia: Kolja Brandt
Montagem: Frédérique Broos
Música: Alexei Aigui
Drama biográfico
118 minutos
12 anos
Califórnia Filmes

O FILME E O DIRETOR

Raoul Peck, 64, nascido em Porto-Príncipe, ex-Ministro da Cultura do Haiti, 7º longa de sua carreira de 20 criações que inclue ainda curtas, documentários e produções para a TV, incluindo minisséries. Autor de obras contundentes como Lumumba (2000) e Abril Sangrento (2005), só ficou popularmente conhecido pelo documentário Eu Não Sou Seu Negro, feito no ano passado, ganhador de 22 prêmios e outras 42 nomeações.

A PALAVRA DE RAOUL PECK

DECIDIMOS TRABALHAR QUASE QUE EXCLUSIVAMENTE EM SUA CORRESPONDÊNCIA. QUANDO VOCÊ LÊ AS LETRAS ENTRE MARX, ENGELS, JENNY [ESPOSA DE MARX] E SEUS AMIGOS, ELES SÃO INCRÍVEIS. É ANIMADO, ENGRAÇADO, É IRÔNICO (…) COM LÍNGUAS AFIADAS. NAS CARTAS, ELES SE DIVERTIRAM COM OUTROS LÍDERES. ENGELS FALAVA SOBRE SUAS MULHERES, SEUS RELACIONAMENTOS, O MARIDO DE UMA DE SUAS NAMORADAS QUE O SEGUIAM COM UMA ARMA. TODA A HISTÓRIA ESTAVA LÁ
Raoul Peck, cineasta

TRAILER

YOUTUBE

FOTOS

CIDADES E HORÁRIOS

ESTREIA EM 28 DE DEZEMBRO

FORTALEZA
DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA – 19h30
SÁBADOS E DOMINGOS – 14h
CINÉPOLIS RIOMAR PAPICU

RECIFE
DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA – 19h30
SÁBADOS E DOMINGOS – 14h
CINÉPOLIS GUARARAPES

SALVADOR
DE SEGUNDA A SEXTA-FEIRA – 19h30
SÁBADOS E DOMINGOS – 14h
CINÉPOLIS BELA VISTA SHOOPING

CRÍTICA ESTRANGEIRA

UM OLHAR INTELECTUALMENTE RIGOROSO
Deborah Young, The Hollywood Reporter

ESTE FILME É OPORTUNO QUANDO AS IDEOLOGIAS POLÍTICAS SÃO PREJUDICADAS POR ALGUNS QUE GOSTARIAM DE VÊ-LOS MORRER. EMBORA BEM UTILIZADOS, ELES DEMONSTRARAM SUA UTILIDADE
Michel Decoux-Derycke, 6néma/França

O FILME TEM UM VALOR EDUCACIONAL CONSIDERÁVEL
Marko Stojiljković, Film na Dan/Alemanha

O QUE O CINEASTA DO HAITI, RAOUL PECK, PRETENDE EXPLICAR (OU RELEMBRAR) É DE ONDE SURGIRAM OS FUNDAMENTOS DO MANIFESTO DO PARTIDO COMUNISTA NESTE MUITO BEM CONSTRUÍDO O JOVEM KARL MARX
Paulo Portugal, c7nema/Portugal

CRÍTICA BRASILEIRA

UM FILME PARA VER E DISCUTIR… por ION DE ANDRADE

KARL MARX REAL, LONGE DO MITO E DO INTELECTUAL… por SUMAIA GOMES

CINEMA SEM JUGAMENTSOS… por MATHEUS MANS

NECESSÁRIO E IMPORTANTE… por RODRIGO CHINCHIO